Espondilite Anquilosante: conceito, sintomas e fisioterapia


>



http://www.marketingdomedico.com.br/drsandroreumatologista/images/conteudo400x280-D.jpg

Costumo falar que as patologias que a Fisioterapia Reumatológica trata não são fáceis. E as pessoas não dão o valor que elas merecem. Mas como assim? Muitas patologias que são tratadas por essa especialidade são colocadas para segundo plano por muitos pacientes, que se acostumam com as dores e limitações que elas trazem. Mas ela estão ali, limitando o seu dia a dia. Uma dessas patologias é a Espondilite Anquilosante.

Ela é uma doença inflamatória crônica, que ainda não tem cura e que afeta as articulações do esqueleto axial, especialmente as da coluna, quadril, joelhos e ombros. A inflamação também pode atingir outras partes do corpo, como os olhos.Costuma afetar mais homens que mulheres.

Na coluna, faz com que as vértebras  se fundam, fazendo com que ela fique menos flexível podendo resultar numa postura curvada para a frente. Além disso, se as costelas são afetadas, pode ser difícil respirar profundamente.Ou seja, a limitação em uma parte corporal vai levando a outra limitação.

Os sinais e sintomas da doença normalmente começam logo no início da fase adulta. Apesar de ainda não existir cura para espondilite anquilosante, com o tratamento adequado é possível diminuir a dor e minimizar os demais sinais e sintomas da doença.

Dentre os sinais e sintomas de espondilite anquilosante estão:

  • Dor na lombar que vem e vai
  • Dor na coluna (inteira ou parte dela)
  • Dor e inchaço nas articulações dos ombros, joelhos e tornozelos
  • Dor e rigidez no quadril
  • Dor e rigidez que pioram com a falta de movimento
  • Dor nas articulações sacrilíacas (entre a pelve e a coluna vertebral)
  • Dor no calcanhar
  • Rigidez matinal
  • A dor costuma melhorar com atividades ou exercícios físicos
  • Dificuldade para expandir completamente o tórax (respirando fundo, por exemplo)
  • Fadiga
  • Febre baixa
  • Inflamação nos olhos ou uveíte (inflamação nas estruturas internas do globo ocular)
  • Perda de movimentos ou mobilidade na parte inferior da coluna
  • Perda não intencional de peso
O tratamento inclui a orientação sobre a prática racional de exercícios físicos , repouso, fisioterapia e dieta. Os pacientes com doença axial podem ser incentivados a realizarem fisioterapia durante toda a vida para manter a postura e evitar a ocorrência de deformidade de evolução lenta.

O principal objetivo do tratamento é controlar adequadamente os sinais e sintomas da doença, reduzindo a inflamação e mantendo a funcionalidade do indivíduo normal ou o melhor possível, aumentando sua qualidade de vida.  A espondilite anquilosante progride insidiosamente com o tempo. E a fisioterapia regular é essencial no tratamento de um paciente com espondilite anquilosante. O tecido fibroso é continuamente depositado como resultado de uma grande inflamação e a fisioterapia regular com um programa de exercícios monitorizados molda o tecido fibroso ao longo das linhas de pressão que não restringem os movimentos do paciente.

Share on Google Plus

About Faça Fisioterapia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário