Você provavelmente sabe que a escoliose é capaz de causar dores na coluna, na cabeça e até mesmo fadiga. Mas está ciente ...

Casos graves de escoliose podem provocar problemas respiratórios e cardíacos




Antes de ler esse post, inscreva-se na newsletter e receba notícias da Fisioterapia no seu email. Clique aqui
 

Cansaço e dor ao realizar atividades simples podem indicar problemas cardíacos e respiratórios decorrentes da escoliose - Imagem retirada do FreePik

Você provavelmente sabe que a escoliose é capaz de causar dores na coluna, na cabeça e até mesmo fadiga. Mas está ciente de que casos graves dessa complicação podem provocar problemas respiratórios e cardíacos? Os desvios na coluna podem fazer com que a caixa torácica e as costelas pressionem os pulmões e o coração, o que dificulta a respiração e atrapalha que o coração bombeie o sangue.

As complicações respiratórias que ocorrem em decorrência da escoliose têm um impacto muito forte na qualidade de vida das pessoas, pois elas interferem na capacidade de realizar exercícios, de subir escadas, e até mesmo de trabalha. Além disso, os desvios na coluna estão diretamente relacionados com a dor crônica na coluna, fator debilitante e responsável por altas taxas de adoecimento na população adulta.

Exames em dia

É fundamental que pessoas com escoliose, além de frequentarem um ortopedista para fazer o acompanhamento da deformação, também mantenham os exames respiratórios e cardíacos em dia.

Existem diversas formas de tratar a escoliose. Entre elas, o uso do colete e de analgésicos, a Reeducação Postural Global (RPG), a cirurgia e a prática de exercícios físicos supervisionados pelo fisioterapeuta ou pelo educador físico. Também é necessário que a pessoa mantenha uma alimentação saudável.

Porém, é importante ressaltar que é fundamental que a pessoa acometida pela escoliose procure um ortopedista, para que ele analise o desvio e recomende a melhor forma de tratar o problema. Decidir por conta própria como resolvê-lo pode agravar o quadro e provocar um efeito dominó no corpo, prejudicando outras partes dele.

Gostou o texto? Nos siga nas redes sociais: Instagram, Facebook e Twitter



Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui

Indicação de Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Poste um Comentário

0 comentários:

Faça Fisioterapia