Como a Fisioterapia pode ajudar no tratamento de Artrose?










Doença articular degenerativa, osteoartrose ou osteoartrite são termos utilizados para caracterizar uma doença de progressão lenta e idiopática das articulações sinoviais, que ocorre em períodos avançados da vida ou como consequência de algum traumatismo. Caracteriza-se pela destruição ou alteração da cartilagem articular com repercussões nos ossos.

A dor é o principal sintoma, que se torna mais intenso à medida que o quadro evolui. Piora com o movimento e tende a melhorar com o repouso. A maior parte dos pacientes têm significativamente alteradas suas atividades diárias, como, por exemplo, hábitos de higiene, cuidado pessoal, marcha, sono, tarefas domésticas, desempenho sexual, profissional e social. Cumpre, no entanto, enfatizar que, se o aumento da degeneração articular está associado com o aumento da dor, este aumento, associado com degeneração articular, varia entre pacientes.

A artrose é uma doença crônica, sem cura. Os tratamentos estão disponíveis para controlar os sintomas. Os principais são pílulas, xaropes, cremes ou loções, além de injeções nas articulações, com analgésicos, anti-inflamatórios e corticoides. A fisioterapia e a terapia ocupacional também são indicadas. Dispositivos de apoio podem ajudar com a função e mobilidade, como muletas, bengalas, andadores, talas, calçados ou ferramentas úteis, como abridores de frasco ou calçadeiras de cabo longo. Em casos mais avançados da doença, a cirurgia pode reparar ou substituir articulações severamente danificadas, especialmente nos quadris ou joelhos

A Fisioterapia pode ser uma grande aliada, ajudando em vários pontos, como:
  • melhora na flexibilidade e no equilíbrio;
  • aumento da força muscular;
  • melhora na coordenação motora;
  • ajuda na prevenção de complicações cardiovasculares ou respiratórias;
  • reduz as dores crônicas;
  • melhora na marcha e a postura;
  • promove a independência funcional;
  • evita quedas e outras fraturas;
  • impede a rápida progressão de doenças como Alzheimer, Parkinson e outras.

Segundo a Organização Mundial de Saúde, OMS, 9,6% dos homens e 18% das mulheres com idade superior a 60 anos sofrem com o problema. Cerca de 80% das pessoas com osteoartrose têm limitações de movimento e 25% não podem executar as principais atividades da vida diária, como abrir uma caixa de alimento, dirigir, caminhar, subir escadas, levantar e segurar objetos.A Fisioterapia pode melhorar demais a vida de pacientes com Artrose.

Antes de terminar esse texto, preciso te indicar o ebook Fisioterapia em Gerontologia e Geriatria: Uma Realidade Prática.  Este e-book demonstra o contexto do envelhecimento no Brasil, oferecendo ao fisioterapeuta embasamento, com técnicas e conduta para atuar em aspectos comuns na assistência ao idoso. Clique aqui e saiba mais!

Gostou o texto? Nos siga nas redes sociais: Instagram, Facebook e Twitter

Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui

Tenho indicações para você apofundar seus estudos em Cardiologia. Espia só:
  • Sistema Cardiovascular: anatomia e fisiologia
  • Curso de Eletrocardiograma Básico
  • Drive Virtual de Fisioterapia na Cardiologia
  • Curso Online de Fisioterapia Aplicada à Cardiologia


  • Poste um Comentário

    Nenhum comentário

    Tecnologia do Blogger.